terça-feira, 4 de maio de 2010

Justiceiro vol7. #15

Quero falar que dessa vez vamos fazer diferente, dessa vez vou fazer um review bom...principalmente por que acho essa revista injustiçada pra caraleo.
A idéia veio após eu elogiar a revista no chat do Marvel Knigths e o Marcelo dúvidou que eu provasse que essa é uma das melhores edições do ano., mas tarde o Amer me incentivou porque quase ninguém na Internet tem bolas para defender o Frankencastle.Principalmente pelo fato da maioria das pessoas(que não lêem as revistas do Justiceiro, raios algumas não lêem revista nenhuma e tentam manipular os nerds), mas vou ser franco...o Justiceiro é um personagem com muitos problemas.
Primeiramente, a natureza dele matar vilões e ser violento etc...o faz quase inútil para uma série normal, devido ao problema dele matar seus antagonistas e precisar perder edições e mais edições para construir um novo.
Segundo, a princial base de operações do Justiceiro é Nova York...lar dos maior quantidade de super-heróis e dos melhores do mundo no Universo marvel, constantemente os roteiristas tinham que forçar a amizade para ele escapar de um Homem-Aranha da vida.
E terceiro...ora pois...o Justiceiro é mais um personagem policial,ele precisa de doses de drama, uma caracterização para ele e seus vilões, precisa ser cercado de pessoas o mais normais possíveis, e precisa criar uma tática de emboscada para funcionar...E TODOS os escritores de detetives da Marvel(são bons) estão envolvidos com grandes personagens como os Vingadores, Demolidor, Guerreiros Secretos...e sempre ficamos com um cara de terceira categoria escrevendo o Justiceiro.

Garth Enis só acertou o Justiceiro quando o deixaram escrever as histórias para maiores de 18, não só isso como o treco só ficou realmente bom quando as histórias do Justiceiro não mais faziam parte do "univers Tradicional",mas agora eram um microverso só dele(e de um Nick Fury desesperançoso) sem nada o atrapalhar mais.
Mas o "probrema" é após a Guerra Civil, aonde o Mark Millar(sempre ele) sem motivos nenhum colocou o Justiceiro em evidência(mesmo a equipe tendo personagens melhores para invasões como o HOMEM-ARANHA, mas após essa evidência desnecessária o Justiceiro ganhou uma segunda revista(lembre-se que a primeira é a dele no seu próprio Universo), essa segunda revista com censura para 13 anos, o fazia enfrentar super-vilões, claro não o podendo fazer matar eles, e as vezes metando, mesmo que o Vilão nunca tivesse cometido um assassinato na carreira(Sério o Justiceiro alega que matou o Metalóide por danos a propriedade e POSSÍVEIS vitimas), inclusive uma piada frequente nessa nova série era ele acertar o Rino com uma bazuca o nocauteando...sendo que o Rino era conhecido por aguentar enfrentar o Hulk...uma bazuca não devia ser tão poderosa contra ele.
O Justiceiro era enfiado periféricamente nas grandes sagas também, seja enfrentando o Hulk, seja na guerra Skrull, a história fazia o Justiceiro atravessar o país e largar tudo oque ele fazia para derrotar alguma coisa que os outros heróis da Marvel poderiam fazer em um quadrinho, fora isso no Reino Sombrio começou como Justiceiro querendo matar Norman Osborn, pq ele era um político com poder demais e perigoso(Sério?E o Bush e o Dick Chaney ele não fez nada?), não só isso como após o Justiceiro escapa do Sentinela(um Superman da vida) e começa a acabar com os negócios da gangue do Capuz(o maior sindicato de super-vilões)...cacete as revistas eram tão impossíveis e chatas que se torcia para o Deadpool matar o Castle...Então aconteceu a melhor coisa para o personagem e que muita putinha vai chorar até hoje...Frankencastle!
Após ser massacrado pelo Flho Emo do Wolverine, castle é resgatado pelo povo toupeira de Nova York, e graças a Morbious o Vampiro-vivo ele é reconstuído numa espécie de Monstro de Frankenstein para defender os ultimos monstros remanescentes do mundo, que estão sendo caçados por uma tropa caçadora de monstros Japonesa e seu líder, que é um Golen Alemão.

Ufa...cacete uma revista descompromisada e divertida,mas mesmo assim bem escrita e que chuta o balde mostrando várias referências além de ser inteligente, agora as proezas do Justiceiro são menos impossíveis(já que agora ele é um super-humano) e porra tudo é estremamente clichê e bem criativo.
vou acabar falando mais do Background dessa história ao longo da matéria, mas cara, vou até enumerar as maravilhas por que amar esse personagem:
1-Se vc quer o Justiceiro velho é só comprar a revista MAX dele, uma revista EXTRA com o Castle alternativo não atrapalha ninguém.
2-Olha o visual do Justiceiro, super heróis normalmente tem visuais limpos, pois desenhistas odéiam acessórios, pois isso demora mais para que eles terminem uma página e voltem a se drogas(O Homem-Aranha é um que recebe reclamações por causa do seu uniforme com a teia desenhada), o Frankencastle possui bandagens, fios, partes mecânicas,metralhadoras, a porra de um motor V8 nas costas, ele é literalmente um cyborgue feito no Ferro-Velho, e fazem questão de desenhar suas porcas e parafusos.
3-Ele não mais faz parte das histórias dos outros heróis,mas ainda está no cenário da Marvel, citações sobre os outros personagens de monstros são claras e precisas, antigos vilões do Quarteto aparecem ao fundo, assim como os outros Monstros da Marvel, se você preferia antes, o Castle enfretava personagens e vilões completamente em desacordo com as outras revistas, ele matava o Homem-Sapo, mesmo esse aparecendo por ai depois,Matava duzias de vilões que depois estavam vivos em outras revistas, aleijou a Madame Python, mesmo essa aparecendo bem mais tarde..e por ai segue.
4-Finalmente fez o Filho do Wolverine deslanchar, andam as voltas com esse personagem a mais de um ano e ele nunca foi importante, interessante ou fez os leitores o engolirem, ele frequentemente enfrentava seu pai, matava algum personagem secundário do Wolverine, perdia a memória, ficava mais fodão, perdia o adamantiun, recuperava...bem tudo que ele fizeram com o Wolverine...bem tudo que eles fazem com o Wolverine e ninguém da a mínima, ele matar o Justiceiro foi ótimo, o Castle era o personagem com credibilidade e fama suficientes para o Darken finalmente parecer fodão, e era fraco o suficiente para a luta e a vitória do Emo-Japa não parecer forçada, após isso a Marvel separou o Darken do universo dos X-men e ele ficou interessante e com personalidade.(Muitos desgotam do Darken pelo seu inicio de merda e por ele ser Bissexual,mas ele é realmente um personagem tri-dimensional e caótico).
5-Seus vilões são fantásticos e seus aliados também, Castle defende uma comunidade de monstros, os ultimos remanescetes do mundo, com direito a Múmias, Lobisones, Homens-Toupeira, um Padre feito de Magma(!!!)...E seus vilões são um antigo Caçador de Monstros alemão chamado Hellgard e que graças a uma ida ao Inferno hoje ele é um Golem STEAMPUNK!!!STEAMPUNK!!!!! ele é auxiliado pela Super Força de caçadores de Monstros, que é uma tropa que o governo japonês criou para se defenderem dos constantes ataques do Godzilla e afiliados.SIMMM Frankencastle mata Japonêses...Cara fantástico...que exemplo de vida...E se você acha isso preconceituoso....clique AQUI!

Agora vamos a revista:
A revista começa num flashback, veja a um tempo atrás o Capuz, tentou negociar com o Castle a ressucitação d família dele.
Aparentemente para o maior chefão do crime do mundo e controlar DEZANAS de SUPERVILÕES com poderes variádos e sobrenatuais é mais fácil ressucitar pessoas que achar um militar de 60 anos que tem o apoio de um Hacker(e sim isso é mais imbecil que um Justiceiro Frankestein).
Bem ele se lembra de como foi difícil ver a família de volta e os renegar obrigando um super-vilão incinerar os corpos para que eles parassem de ser violados, ele mata o Punho de fogo ali depois.
E isso leva a...
A primeira cena filha da puta da revista, a família Zumbi de Castle se abraçando e abraçando ele em desespero no meio a duas estátuas do Diabo.
A agonia do Justiceiro é transmisível, mais a agonia emocional de ter que matar a família que é o motriz da sua vingança, mas que agora eram um bando de zumbis sem alma.
Essa cena lembra as fantásticas capaz do Justiceiro Ano Um, que mais lembravam afrescos religiosos sobre a sua origem...as capas dessa série eram bem melhores que a história).
Mas era tudo um sonho...be óbvio que era um sonho, aquela cena ali em cima aconteceu a umas 10 edições passadas, mas ajudou a fazer o leitor entender que o Justiceiro aceitou agora seu papel de defensor da Família Monstro, e que ele se lembrou o que o lançou na sua guerra contra o crime.
Também temos a explicação sobre o Hacker que passou a ajudar o Castle, que na verdade ele é o filho do Nemesis do Castle o Retalho, e que agora ele tenta ajudar o Justiceiro por causa dos pecados do pai e essa baboseira toda.
Isso não importa tanto que o próprio Justiceiro ignora isso seguindo pra história e pulando qualquer diálogo para o descontentamento do Henry.
Enquanto isso Hellsgard...e eu falo sério eu eu salvaria o Presidente dos EUA para pedir que o Silof construisse o boneco desse vilão para mim, o cara é uma caldeira com um Crânio cheio de alavancas e detalhes, largando fumaça e um simbolo Nuclear acidental no peito.
Mas bem ele continua a torturar Morbious para que ele entregue os segredos da Pedra de Sangue.
Ahh sim..a Pedra de Sangue é um artefato que é usado pela maior família de caçadores de monstros da Marvel...os Bloodstones(a criatividade mandou um abraço para vocês), apesar da revista não deixar claro o que houve com a Elsa, a ultima a usar a pedra, mas deixa claro que o Morbious roubou a pedra da Iniciativa, quando ele debandou por desconfiar do Osborn e etc.

Bem Hells-Fuking-Gaard pega a pedra para si...ficando Vermelho...sinal que estava mais poderoso e malvado^^

Que orra vcs queriam?O Goku fica loiro...então não reclamem da troca de cor dele.

Amanhecia...e tu chegavas em casa com asas!

Amigos Punks a pare, temos um pouco da caracterização dos Japoneses de vgilia no forte de Hellsgaard, muitos vão dizer que é meramente um esteriótipo, e que é superficial, pois eles ficam falando de honra, dever e que não são dignos de servirem o Hellsgaard, mas querem saber...é isso mesmo, os personagens agem exatamente como os Japones se auto-retratam nos filmes.
pelo amor de Deus, os uniformes desse pessoal são baseados nos do Tokio Gore Police.

Aliás isso é uma boa alegoria, TGP é de uma nova safra de filmes de Terror japoneses que são bem turbinados pela fanservice e coisas de animes com efeitos até bom, mas comparados a filmes de terror antigos eles são fracos, pelas péssimas atuações dos Japoneses, e falta de terror psicológico em troca de espanto e nojeira...e é isso que trata a revista \o/

Antigos monstros da Universal Horror contra os novos monstros Japoneses de Terror.
Segue...
E sem brincadeira...vindo da direção do Sol(porra o cara é um militar e iss é tatica), o Justiceiro ataca pelo alto...CAVALGANDO UM DRAGÃO!!!A Porra de um Dragão, dirão alguns).
Nao só isso,mas obedecendo ao Superman, ele massacra a tropa que se encontrava nas muralhas e que o esperavam atacar por terra.
Sério...o Justiceiro Cyborgue cavalga um Dragão...diga-se de passagem o ultimo da espécie, numa glorioza entrada com a vingança contra os Japoneses por transformarem os Jovens em emos.
Mas um fã de Visual Rock concorda com o bando de Nerds frustados que não honram os quadrinhos, e decola num Jetpack e dispara com m arma apelona decaptando a ultima das Dragoas(sei la o feminino de dragão)
..Ahh sim durante esse ataque o Castle é reflexivo sobre oque acontecia, e ele fica realmente sentido com a morte do ultimo representate da expécie,mas fica feliz achando que a vingança dela havia ocorrido.
...Existe alguma música sobre Jetpacks?Sei la isso me veio na cabeça agora.
Bom se todo esse massivo Awesomeness anda não fez o mais virgem dos usuários da Net concordar que essa revista é ótima, o Justiceiro em queda livre resolve imitar o Scorpion e dispara uma arma de gancho no Dragon Slayer e o arremessa com força contra uma parede!

Tostly!!!
Heelsgaard querendo poupar os Japoneses(viram como ele é o vilão) resolve acabar com essa esbórnia, e utilizando os poderes da Pedra de Sangue, claro como um dos japoneses aponta...ele está usando os poderes para criar mais monstros...o completo oposto do objetio deles.
Hellsgaard responde essa brilhante observação esmurrando o Japones...provando duas coisas...ele não queria poupar a tropa...apenas manter o chão limpo...e que no fundo ele é um cara legal e que concorda com o Superman.
Mas que mosntros Hellsgaard criou?
NAZISTAS ZUMBIS!!!!!!!
Simm o siples pináculo dos vilões carismáticos do mundo!!!
Todos amam odiar Nazistas, e todos Amam filmes de zumbis...então a mais B+B e temos a coisa mais foda-pra-caralho que existe...estranhamente só um filme norueguês se deu conta disso.
Aliás no meio daturba de Zumbis Nazzistas existem também Zumbis Comunistas!!!Comunistas eu digo!

Ahh esqueci de menscionar, para melhorar a revista, o amigo Hacker do Justiceiro continua se comunicando com o Castle acessando os satélites que passam pela área e criando uma espécie de radar como aqueles dos videogames.
Os Mortos são intermináves, o que não se pode dizer das armas do Castle que perde as balas(acho que é a primeira vez que vejo isso acontecer com o Justiceiro), ele ainda em suas reflexos nota que os mortos do Eixo ficam murmurando "MARIA", a falecida esposa de Castle, que ele associa isso ocm a recente volta dela como zumbi também, e até sente uma simpatia passageira pelos mortos que querem reviver.
E eu compraria uma HQ sobre os Nazistas Zumbis.
Bom Castle abrindo caminho NA FACA chega aos portões do castelo..
...e vemos os Japoneses que querendo compensar alguma coisa...pegam a maior e mais fálica arma que encontraram, e dão um tiro no portão querendo matar nosso herói.
Mas logo os Japoneses vão descobrir que atirar nas próprias defesas só é útil no Space Invaders.
...
Por que agora pensei num Japonês fazendo a tática do Rocket Jump?
E há um festim quando os Nazistas matam seus antigos aliados da segunda guerra.
Fato cultural nada haver a Alemanha e o Japão sempre foram bem próximos em suas relações, e o Japão deve ser o único pais que não condena Hitler e os Nazistas, claro isso de deve ao fato dos Judeus não controlarem as mídias de comunicações do Oriente...mas também se deve ao fato do próprio Japão ter feito coisas bem ais horríveis com os Chineses durante a Segunda Guerra(e antes), ou vocês achavam que o Superman os estapeavam de graça?

Mas perdendo o ocntrole do pátio os Japoneses não resta nada fora recuar para dentro do castelo...mas..
Frankencastle OWNA...sério...ele simplesmente correu por trás deles e fechou a porta.

Cacete imagina essa cena num filme.

Bom enquanto os Japinhas viram comida, Castle mata mais alguns e recebendo instruções chega a sala de tortura do castelo.
Olha ele ai resgatando o Morbious e o Amphibious....ahh pela tradição da universal Horror, o carinha verde da água ali é Brasileiro.
Muita gente reclama da questão do esteriótipo do monstro amazônico,mas a questão é essa...o primeiro personagem brasileiro de fama mundial é a Criatura da Lagoa Negra(que possuia uma trialogia), por causa desse filme clássico que personagens como Blanka, Rikuo etc sejam brasileiros.
Mas hey e nosso vilão overpower?
Ele surge das sombras atacando o resgate dos Universal Horror, matando diretamente o brasileiro¬¬
Brasileiros sempre se fodem nessa...lembram do Aldebaran de Touro?
Mas aqui queria demonstrar como o vilão Hellsgaard é realmente fodão, ele possui claramente duas metralhadoras gratórias de calibre 50 nos braços, sem falar numa jóia mística de poderes ilimitados que ele recém fez criar um exército Awesome e mesmo assim ele resolve atacar com uma serra circular!!!
Cara esse cara é demais...vou fazer uma camisa só com ele.
E assim termina a revista, com Hellsgard atirando num Justiceiro caído com a segunda arma mais estilosa do mundo(a primeira era a Serra Circular yô-yô ali), um Lança Chamas!!!!

Nota: 11!!!!!

Cara não sei qual o problema desse bando de retardados reclamando dessa saga do Frakencastle(que eu sei que irá chegar ao fim), é uma história extremamente descompromissada e divertida, sem maiores confusões.
Os personagens são completamente em 3 dimensões, não existem verdades absolutas e sequer os personagens chegam a concordar entre si,as referências, os visuais, os vilões e as ações e imagens que essa saga proporcionou foram épicas.
Essa história entra como uma das melhores do Justiceiro, e antes que reclamem, eu lembro de sagas como "No comando da Máfia", quando ele era um vingador dos Anjos e até os primeiros anos do Garth Enis na frente do título e suas histórinhas sem emoção.
Em anos o Justiceiro não foi tão bem retratado numa HQ fora da MAX.

E mesmo assim...um bando de bixinhas que sequer gostam do Justiceiro(tipo fãs da DC) estão lotando os foruns com as capas da revista falando que ela é imbecil e que a Marvel está apelando.

Sério...e o pessoal ainda tenta ser fã de X-men...fui!

9 comentários:

Tiu Lobo disse...

na boa... colocar o estatgiario pra comentar não é legal...
mas eu concordo tem muito roterista q está no lugar errado... mas pode ter certeza.... vai ter uma pá de gente reclamando.... mesmo tendo a Max pra manter o Justiceiro original

Vini Viking disse...

1- As HQs do Justiceiro 616 eram uma merda;

2- O maior triunfo do Justiceiro 616 foi uma ponta como coadjuvante no arco "O Demônio do Pavilhão D", uma história do Demolidor, e não dele;

3- "Born", a origem do personagem, uma das melhores HQs já escritas, obra de Garth Ennis, remete ao Justiceiro MAX, e não ao Justiceiro 616;

4- No Universo Ultimate terá um Frank Castle como ex-policial e líder dos Vingadores, ele estuprará bandidos com escopetas porque o Ultiverso permite tiroteios do tipo dele;

5- Todo mundo que é realmente fã do Justiceiro, gosta do que Garth Ennis escreve (MAX) e não está nem aí para o 616;

6- Eu aposto meu cortador de unhas que 90% dos que reclamam gostariam de ver Frank Castle com Deadpool e Cable enfrentando a Força Fênix manipulando o Apocalipse encarnado no corpo do Massacre numa X-Men Anual da vida.

Vini Viking disse...

Ah, esqueci de dizer, Frank Castle movido a bateria de Maverick é muito bom! \o/

bruno disse...

Bom, você renovou minhas esperanças pra X-Force, ja que o roteirista será o mesmo dessa HQ(fã de x-men é otário mesmo XD).

Marcelo disse...

Eu acho que não gostei dessa HQ pelos motivos que vc deu: cliches. Sei lá não sou muito fã disso, ficou uma mistura de filmes de terror de 1900 e minha vô ainda era gostosa com filmes japoneses de 1970. E o justiceiro 616 do fim dos anos 80 e começo dos 90 não tinha esses problemas que vc citou ele enfretava só ladrões pé-de-chinelo e destroçava eles.

Adiktnoid disse...

Foolkiller é basicamenteuma outra versão do justiceiro. Por que não criar um outro cara com tds essas características do Frankencastle?

Avalanche(Lance) disse...

Marcelo, mas no caso nem é Clichês.

Nnhum dos personagens agem como deviam, eles são realmente referências, os ocidentais clássicos são os heróis, e as Bizarrices novas do Oriente.

E sim o Justicero era bom, e muita enfâse no ERA, quando ele gastava pelo menos uma edição com o Justiceiro falando do vilão e preparando o terreno para a luta, que é o que eu dgo, Bendis Brubaker iam fazer histórias boas dele, mas a Marvel nao vai gastar um escritor bom no Justiceiro.

O Foolkiller é um Justiceiro Piorado, ele não planeja e mata milhares de pessoas ao memso tempo usando uma espada que as divide como manteiga.(rídiculo)

Mas pra que não criar o Frankencastle?

O justiceiro só tem graça com censura 18 anos...e ele tem uma revsta assim.

Ou vcs querem um décimo encontro do Justiceiro com o Homem-Aranha?

Ou mais um encontro do Justiceiro com o Wolverine aonde eles nunca se lembram dos outros encontros?

Casteliano disse...

Bem... Tenho bolas e vou ser um bom defensor. Vou me organizar por pontos.

- Tudo bem que a função do Castle numa HQ parece simples. Mas não concordo quando diz: ‘devido ao problema dele matar seus antagonistas e precisar perder edições e mais edições para construir um novo.’ Isso não é problema! O mundo Marvel foi criado com base em vilões, inclusive ele seria um, antes de promovido a anti-herói. Então, se Charles Bronson teve mais de um filme e tudo com o mesmo clímax, dá para se fazer um bom texto com o Justiceiro. (Como escritor, provo isso em minhas fanfics) ... E sobre a base operacional, eu até concordo, aliás, o cara antes acreditava em amizade (antes do Micro traí-lo) e sabia da sua limitação humana, ou seja, se juntar a outros seria inteligente. E concordo plenamente com a sua análise sobre os escritores policiais.

- Analisando a sua trajetória do Castle até ao Frankencastle! Só vejo um enorme começo de desastre apenas no momento em que Castle usa um uniforme em homenagem ao Capitão... Antes disso, como um personagem militar teve sua boa participação, inclusive invadindo a base do Elástico. Sobre o Metalóide, creio que foi um erro do escritor, pq o mesmo já era vilão nas HQs do Demolidor e para o Castle não tem esse negocio de parou de ser criminoso. Sobre as armas usadas contra o Rino, todas eram da S.H.I.E.L.D, logo a bazuka poderia ter alguma coisa especial como tinha a Luva demoníaca (a luva tinha algum nome assim). Fazer o Castle viajar o mundo caçando super-vilões também achei um erro. Quanto ao Osborn não vejo erro em querer matá-lo, todos sabem que ele é um criminoso e Castle tem ficha técnica da maioria dos personagens, ou seja, título da S.H.I.E.L.D não iria fazê-lo se tornar um santo... Chegar ao Capuz seria consequência. Eu via uma boa trama, mas não souberam escrever.

- Filho do Logan matando o Castle? Hum... Legal, né? Castle estava atualmente aliado a um nerd foda e com um arsenal foda... fica ciente de que aquele homem o seguindo é o filho do Logan e apenas dá tiros a queima roupa no mesmo, com uma arma especial e vai embora? Quem descobre a identidade de um novo mutante não vai querer saber as suas habilidades, ainda mais sendo filho do WOLVERINE? Se tem garras não poderia ter fator de cura? Por favor, né! Eu aceitaria a morte do Castle, se tivesse sido morto corretamente.

- Resumindo a sua enumeração. Não souberam mais o que fazer com o Castle e o mataram. Organizadores idiotas! Era mais fácil não tê-lo metido nessa saga, como cansaram de fazer com outras sagas.
- Obrigado por me fazer sentir mais raiva desse desgraçado projeto da Marvel. Por que esses merdas não inventaram um personagem pra isso? Fizeram um macaco 007, porra. ¬¬

- Engraçado! Castle não tem capacidade para enfrentar um universo de poderosos, ele pode enfrentar um universo de fantasiosos? Pelo amor de Deus! Fico por aqui por que essa HQ não merece mais minha atenção.

OBS: Lembre-se que o Tony Stark também é do tempo do Vietnã. Se o tempo passa para o Castle, também passa para o resto.

Avalanche(Lance) disse...

Tréplica XD

1-Cara não mistures mídias, o Justiceiroé baseado no livro "O flagelo da máfia" ou algo assim, e mesmo isso é muito diferente de um filme, não acho os filmes do Charles Bronson tão bons...mas isso não se compara a 30 anos de HQs, o universo Marvel não é baseado em vilões...tirando alguns como o Dr.Doom e o Magneto existem poucos com nome que se comparam com os heróis, não é como o Batman que possui muito vilão com renome.O Castle tem o problema sim, Quantas edições foram gastar para vermos "o Homem de Pedra" como um mega vilão?E a morte dele foi mediocre...e não temos nada, a mulher sem peitos do Viúvas da Máfia, ela era tão interessante que fez uma aparição no jogo do Justiceiro, mesmo assim ela morreu no mesmo arco que apareceu, e eu achoq ue ela poderia ser uma substituta para o Frank Castle, o Frank vai sempre ter essa deficiencia, até os escritores voltarem a fazer ele atacar mais devagar, planejando e derrubando peões dos mafiosos antes dos grandes...não como aquela porcaria de matar 80 integrantes da família Cesar no aniversário do velho.

2-Cara o metalóide foi apenas estúpido, e ele é só o exemplo, mas edições seguintes o Castle "matava" muitos outros heróis ou vilões...só para ter isso negado nas outras revistas, em especial o fneral do Metaloide...que segundo o castle teve multilação e mortes, mas nos outros...apenas ferimentos e queimaduras leves, alguns mortos como o Homem Sapo na sua revista foram desmascarados ocmo interpretes e não os verdadeiros...ou seja não era pra ter isso nas revistas dele.

3-Cara não vou entrar no mérito da história, vc achou forçado o jeito que o Darken matou o Castle, eu achei ridiculo ele escapar do Sentinela, a questão é...a morte foi boa, não tem como o Castle realmente matar o Daken(que é mais cruel e inteligente que o pai dele), e isso foi ótimo para a credibilidade do novato, sendo que não abalou a credibilidade do Castle.

4-Sim precisamente...mudaram o personagem pq não sabiam o que fazer com ele.

5-Não sei pq a raiva, o Justiceiro ainda existe,e ele não é o primeiro personagem a ter uma "persona" diferente...e a dele é foda..ele tem um Motor V8 nas costas.

6-Não entendi...mas se reclama que agora ele consegue enfrentar os mosntros...porra ele é a porra do Frankstein, o mosntro mais forte do universo de horror.

7-Sim o Stark se feriu no Vietnã, o Ben e o Reed se conheceram na guerra da Coréia...o que ocorre é que esses personagens não estão ligados a esses feitos como o Castle, e memso o Xavier...ele ainda partcipou da guerra, mas envelheceram o personagem assim como o Castle, Magneto é outro,mas esse rejuvenesce já.