segunda-feira, 11 de abril de 2011

Scott Pilgrim Vs Word é uma bosta! Part2

Em vamos logo que eu sei que to atrasado e preciso voltar a matar meu tempo com Red Redemption e cerveja...sem falar que consegui “Mendigo com uma doze” e preciso ver esse filme.(pura arte!)

(falando nisso tem um mendigo anarquisando aqui na rua agora...)

Mas não da pra evitar...Scott Pilgrim part 2:Referências

(sem nenhuma relação com o filme..só o Seu Madruga num Metro)

E vamos começar a falar disso, a única coisa que faz o povo dizer que essa comédia romântica é um filme nerd seriam as referências culturais á coisas Nerds...e eu olhava milhares e milhares de reviews falando disso...

oh Boy com elas falam merda....

Mas sério..vivemos numa sociedade pós Seth Macfarlane(Criador de Família da Pesada), a Simpsons, a Videologs..bem refêrencia à referências não faltam....e nesse filme elas são bem ralas e até não criativas:

A maior parte do filme as “referências” são apenas músiquinhas e sons aleatórios do Super Nintendo(acredite o filme todo é uma propaganda da Nintendo), uma coisa que os anos 80 nos ensinaram é que colocar sons de desenhos animados num filme não é engraçado,e quando falo aleatórias é aleatórias mesmo, os sons não simbolizam nada, por exemplo uma hora toca a musiquinha quando o Mário consegue pegar a bandeira nos castelos...enquanto vemos a Knives traída com cara de choro por uma janela congelada...WTF!

Outras referências...não são realmente referências por serem genéricas demais, coisas como os efeitos de fundo, os riscos simulando movimento...essas coisas não são referências...pq não fazem referência a nada...apenas são algo normalmente visto em otrá mídia que colocaram no filme...(aliás as linhas de movimentação não são referências de Mangá, Steve Ditko e outros desenhistas as usam a décadas...e professores de física também).

Outras referêncas até eram válidas,mas nunca desenvolvidas, uma música com o nome do Capitão Boing,mas que nunca a é ouvida..e nem é dficil improvisar músicas, as camisas também, elas são divertidas,mas nada demais...e pra provar o nível do pessoal que faz os Reviews referências como o Scott usar a camisa 4¹/² (simbolo do Franklyn Richards) ou ele arrancar o decalque dos X-men da Jaqueta nunca são citados.

Claro que há realmente algumas referências “bem boladas” como diriam os paulistas, como uma das bandas se chamar “Clash at Demon Head”(isso mais uma piada com as bandas Indys smepre terem Clash no nome), a Ex do SP se vestir como a Misa-Misa, ou o vilão do Filme usar um símbolo com as iniciais dele,mas sendo uma Tri-Force invertida.

mas de resto 90% das referências que vi dizerem que estavam no filme, ou eram coisas ralas demais para ser uma referência(algo bem genérico como vilões virando dinheiro quando morrem), ou coisas que não existem ou são forçadas demais, existe uma citação no ImdB que fala que a luta contra o Segundo Namorado é para referenciar o filme Selvagens na Noite....nhe nem consigo bolar uma tirada sarcástica pra isso...

(sim isso era pra ser um Shoryken, pelo menos pros fãs do Filme)

No geral...existem referências, mas a maior parte...maior mesmo...desse tamanhão oh..é só coisas aleatórias da Nintendo e características de anime, mas que não remetem a nada.

Outra coisas como alguns pontos do filme você vê que podia entrar uma referência ali...e nada!
Exemplo máximo, quando a polícia Vegan aparece para prender o Super-Vegan por esse ingerir laticínios(Tiny Toons minha gente o/), são dosi policiais meio homo-eroticos...e só...nada de um policial branco e um negão...nada de um robo policial com as diretrizes Vegans, nada de dois policiais estilo Dragnet...viu não é difcil...então não tem desculpa pra fazerem algo ruim..ainda mais com ....60 milhões!!!!!

Personagens...o algo parecido com isso:

Scott Pilgrim: Cara...de longe o protagonista e pior personagem do filme, como protagonista ele nunca tem nenhuma motivação, aliás ele é bem contraditório:
-Ele é um lesado,mas é incrivelmente forte e poderoso;
-Ele é descrito como um perdedor,mas tem milhares de Ex.
-Ele é um egoísta que não se importa com os outros,mas tem amigos que o ajudam sem parar;

Eu sei que é uma piada...mas por que ele não pega a cama e as outras coisas dele na sua casa(que é na frente da atual), olha nem estou tentando achar um motivo do pq ele saiu de casa,mas por que ele não pega as coisas dele na casa dele?
A soma do personagem extremamente mal explicado e egoísta com um ator sem carisma, faz com que todas as cenas com ele sejam um saco...e isso é um problema quando se é o protagonista...

Aliás apesar dizerem que ele é um nerd...ele não demonstra isso pelo filme todo, visto que ele não tem interesses em nenhuma mídia e o único jogo que ele aparece jogando é aquelas merdas de joguinhos de dança emo.


Ramona: Ramona é uma daquelas garotas enjoadas e poser, elas adotam um “estilo” e tentam convencer os outros disso,mesmo ela não tendo personalidade..e é exatamente isso que ela faz durante todo o filme...dá desculpas..é enjoada e normalmente fica parada até que alguém pegue a mão dela e a puxe.
Vi por ai que ela é uma referência ao personagem do anime sei la oque...mas na boa?ela é uma cópia(sem graça) do visual da gurizinha que seguia o El Tigre!

Knives: Knives é uma asiática menor de idade, linda, fofa, 100% submissa e que paga fichas de fliperama e que nunca deveria ter cortado o cabelo...ela é a primeira namorada de SP que vemos no filme...e por nenhum motivo vemos os dois acabarem, existe uma tentativa de dizer que ela era infantil ou chatinha...é só uma cena com os dois caminhando e ela falando sem parar de como foi seu dia enquanto o SP não faz nada...mas é claro essa cena é dúbia visto que o SP está quieto por estar pensando na futura namorada.

No final...algo acontece e ela esquece sua obcessão ou algo assim...

Jovem Niel: Jovem Niel é uma larva de ser humano até esperando ser um dos iguais com seus amigos, e isso ele só pode alcançado quando a vontade de SP quiser...sim é exatamente assim que acontece no filme...


Pat Pimentinha: Ela é a baterista da banda..e fica o tempo todo emburrada ao fundo, e canta quando vai começar uma música, ela é contida e irritada por ser uma das Ex- do SP

Alguma coisa Stiffs: É um cara estranho extremante nervoso e líder da Banda do SP, todos tentam ignorar ele, principalmente quando ele se preocupa com a banda(acho qeu o publico também não devia se ligar com isso)

Stacy Pilgrim: a Irmã de Scott, aparentemente deveríamos achar que ela é uma chata e que em teoria complica a vida do protagonista...mas na boa no filme só vi ela se preocupando com o coitado...

Amigo Gay: ele é só isso...um amigo Gay que fica por volta com piadinhas gays e agarrando outros homens...joinha pra quem gosta do filme.

(sim e o irmão do Mackauilng Kaukin)

Er..a ex-namorada: ela é uma espécime de sub-vilão do filme, alguém ruim que maltratou e traumatizou o SP antes e que abandonou os amigos para ser famosa...tão famosa como uma banda local pode ser^^, ela faz uma das mais claras referências se vestindo como Misa-Misa(uma proto personagem homenageando outra).

Quem porra é essa?Agora sério...que porra de personagem foi essa?Eu achoq eu pisquei e não peguei quem era ela...aparentemente ela é uma vádia ingrata que fala palavrão...claro isso pro padrão pro filme aonde filho da puta é toda a pessoa que não louva a vida Scott Pilgrim, mas levando em conta que ela trabalha em todos os lugares, a festa é na casa dela e ela quem leva o povo pros bastidores...ela cai no Clichê do Stifler(muito recentes em produtos novos) que é a pessoa que todos do grupinho despresam,mas que andam junto pq ela tem dinheiro.

Bom to de saco cheio9sem nenhum motivo...e o Blogspot deu uns erros from hell denovo...então quarta termino essa matéria.Na moral..até posso me expressar melhor nos ocmentários como da outra vez...

Fui!

7 comentários:

Amer H. disse...

Eu tinha vontade de ver esse filme, mas acho que isso passou agora.

Thanks!!!

Warnius! disse...

hum....não e tão ruim..assim...ta bom to pegando leve o filme e péssimo.......O__O mas os cliches do filme podiam ser piores...não que isso salve o filme

Malakai disse...

Não é pra defender o filme nem nada, mas gostaria de saber, na sua opinião, o que caracteriza uma referência. Tipo assim, metade das coisas que você reclamou que não eram referências seriam o que então?

Avalanche(Lance) disse...

Warnius...cara eu até ia preferir mais clichês...mas isso vou explicar quando falar dos namorados.

O Clichê se bem usado pode ser usado para "adiantar" o tempo e acelerar a história...o filme podia ter usado isso, mas como é uma HQ e não um filme no original...o tempo de "não caracterização dos personagens" podia ser transformado em clichê.

Malakai, cara referência é quando você faz uma citação/homenagem/paródia/alfinetada a outro trabalho ou pessoa usando sua uma de suas características.

como disse os sons de Super-Nintendo é o mesmo que usar sons de desenhos animados(e usavam bastante nos anos 80) não são referências.

Coisas como o estilo de fimalgem nos créditos iniciais(um estilo usado por animadores dreto no filme) também não é referência...pq é exatamente o que ele almeja referênciar.

Coisas como o dinheiro quando se mata alguém, ou a barra de xixi também são referências gerais...não a algo específico.

"Olhe uma referência a video games, e eu jogo video games"

Porra isso parace uma das frases de estupidez do Homem¬¬

Jack, The Ripper disse...

Não conheço nenhuma banda indie que tenha clash no nome.

Remy disse...

Tenho uma maigo que fez altos louvores a esse filme no blog dele.
Vou assistir e ver quem tem razão.

Guilherme disse...

Nossa, cara ! li todos os 3 posts sobre o filme scott pilgrim, e pude cocncluir que vc nao entendeu nada sobre o filme. A ideia era retomar referencias doss anos 90, videogames, quadrinhos e afins. Os efeitos cabem perfeitamente, ja que não é para ser "vida real", por isso os personagens não precisam sangrar, descabelar e morrer. É para ser algo que de um escape da realidade. Não sou fan boy, mas o seu odio exarcebado em querer destruir tudo e todos, só te faz pior que os outros criticos e sem credibilidade(crítica construtiva)
Recomendo que leia as historias em quadrinhos, livros e referencias de filmes, antes de poder critica-los sem nenhuma base, assim como criticos importantes fazem( Omelete, Pipoca e naquim, Guia dos quadrinhos, UniversoHQ, JovemNerd, entre mto outros)
Para mim, vc é só mais um "hater" da internet, recomendo mudar sua forma de criticar, mas não seu humor(ponto positivo).
Em resumo, essa, como todas as criticas em seu blog não tem fundamento, sendo pouco confiável e com muita emoçao, não é possivel quando esta falando serio ou se é ironia.
Espero que leia e responda isso

Obrigado, Guilherme